Seu navegador nao suporta javascript, mas isso nao afetara sua navegacao nesta pagina

MPDFT

Menu
<

Tamanho da fonte:

De acordo com a legislação, o transporte público e a mobilidade ativa devem ser prioridades

A Rede Urbanidade enviou à Secretaria de Transporte e Mobilidade (Semob) e ao Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER-DF) o relatório da vistoria realizada na ciclovia do Trevo de Triagem Norte (TTN). O documento, encaminhado nesta sexta-feira, 18 de dezembro, pede a correção das falhas encontradas na obra recém-inaugurada.

Em 21 de novembro, representantes da Rede estiveram no local para avaliar a ciclovia. Foram encontrados problemas como travessias perigosas, falta de rampas nos cruzamentos, trechos sem interligação, falta de iluminação, erosão nas bordas da ciclovia e evidências de risco de desabamento da estrutura pavimentada pela ausência de obras de contenção.

Para os integrantes da Rede, o projeto do TTN não priorizou o transporte público e a mobilidade ativa, como determina a legislação. Além dos problemas identificados na ciclovia, também há riscos para os pedestres: faltam faixas de segurança e os veículos trafegam em alta velocidade.

A infraestrutura para os usuários de transporte coletivo também é precária: os abrigos são pequenos, mal iluminados e não têm acessibilidade. Além disso, faltam faixas exclusivas para ônibus e não há informação sobre como será a integração entre o TTN e o Terminal Multimodal da Asa Norte (TAN).

Segundo o promotor de Justiça Dênio Augusto Moura, o complexo viário do TTN é um exemplo de obra executada sem a devida participação da sociedade, especialmente dos adeptos da mobilidade ativa, como ciclistas e pedestres, e dos usuários do transporte coletivo. “A prioridade total assegurada ao transporte individual motorizado não é apenas um erro de projeto, é um caso de evidente descumprimento da legislação de regência, que não pode ser mais ser tolerado no Distrito Federal”, afirmou.

Clique aqui para ler a íntegra do relatório.

A Rede

A Rede de Promoção da Mobilidade Sustentável e do Transporte Coletivo (Rede Urbanidade), criada em novembro de 2019, é uma iniciativa da Prourb em parceria com estudiosos e representantes de organizações que se dedicam à causa da mobilidade. O grupo tem como objetivo assegurar a participação efetiva da sociedade na elaboração, na implementação e na fiscalização da política local de mobilidade urbana. Além disso, pretende ser um espaço democrático de articulação, discussão e busca de soluções para os desafios existentes nessa área, na perspectiva do desenvolvimento sustentável.

Leia mais

Rede Urbanidade encontra problemas em ciclovia do Trevo de Triagem Norte

Secretaria de Comunicação
(61) 3343-9604 / 3343-9601 / 3343-6413 / 99303-6173
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
facebook.com/mpdftoficial
twitter.com/mpdft
youtube.com/mpdftoficial
instagram.com/mpdftoficial

.: voltar :.