Seu navegador nao suporta javascript, mas isso nao afetara sua navegacao nesta pagina

MPDFT

Menu
<

Tamanho da fonte:

Dr. Claúdio Portela conselheiro do CNMP.2A procuradora-geral de Justiça, Eunice Carvalhido, escolheu o promotor de Justiça Cláudio Portela, titular da 2ª PJ Criminal de Santa Maria, para ocupar a vaga do Ministério Público do Distrito Federal (MPDFT) junto ao Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP). A indicação, feita na última sexta-feira, dia 15, aguarda aprovação do Senado Federal para posterior nomeação da presidenta de República, Dilma Rousseff.

Segundo Portela, o momento em que o MP brasileiro vive é delicado. Por isso, vai batalhar em defesa da Instituição. “Espero construir no CNMP um canal de diálogos com a sociedade para maximizar a defesa da atuação institucional. Quero discutir o papel e as prerrogativas da Instituição em defesa da sociedade”, enfatiza.

Com 212 votos, Portela foi o primeiro colocado da lista tríplice. Ele ocupará a vaga da promotora de Justiça Claudia Chagas, que encerrará seu mandato no dia 10 de agosto, quatro meses antes da data prevista. A renúncia antecipada de Claudia permite que os novos conselheiros do Ministério Público Federal e do MPDFT tomem posse junto com integrantes dos Ministérios Públicos estaduais e dos outros ramos do MPU. O mandato é de dois anos, permitida uma recondução.

Histórico

Em 1994, Cláudio Portela ingressou no MPDFT como servidor público. Quatro anos depois, formou-se em Direito pelo Centro Universitário de Brasília (Ceub) e, em 2002, foi aprovado no concurso de promotor de Justiça adjunto. Já atuou na 13ª Promotoria Criminal de Brasília e na 2ª de Entorpecentes.

.: voltar :.