Seu navegador nao suporta javascript, mas isso nao afetara sua navegacao nesta pagina

MPDFT

Menu
<

Tamanho da fonte:

Profissionais de saúde, educadores, operadores do Direito e representantes do Governo do Distrito Federal se reuniram, na última quarta-feira, para discutir estratégias de prevenção ao uso de drogas. O I encontro de redução da demanda por drogas do Distrito Federal foi realizado pela Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejus/DF), com o apoio do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT).

Participaram da abertura do evento o Secretário de Justiça, Alírio Neto, o Subsecretário de Políticas de Prevenção ao uso de drogas, Aldi Roldão Cabral, e os promotores de Justiça José Theodoro Corrêa de Carvalho e Laura Beatriz Rito.

Em sua palestra "O problema das drogas e a atuação do MPDFT", o promotor José Theodoro apresentou a legislação sobre o tema e estatísticas que demonstram o aumento do número de prisões por tráfico e de pessoas portando drogas para consumo no Distrito Federal. Entre 2004 e 2010, o número de prisões por tráfico aumentou de 685 para 1.559; no mesmo período, o número de pessoas portando drogas para consumo subiu de 1.673 para 3.446. Para José Theodoro, "urge que todos os agentes públicos e privados envolvidos no tema ampliem suas esferas de atuação para minimizar o problema ".

O promotor também tratou das ações específicas realizadas pelo MPDFT. Entre elas, campanhas de prevenção interna, nas escolas e na mídia. "O investimento em prevenção deve estar focado na valorização dos fatores de proteção aos jovens", concluiu o promotor.

.: voltar :.