Seu navegador nao suporta javascript, mas isso nao afetara sua navegacao nesta pagina

MPDFT

Menu
<

Tamanho da fonte:

Câmara dos Deputados promove pesquisa popular a respeito do tema. Mais de 80% dos usuários acham que o poder de investigação do MP deve permanecer inalterado.

A Câmara dos Deputados está realizando uma enquete, a fim de saber a opinião dos brasileiros em relação à proposta que limita o poder de investigação do Ministério Público – a PEC 37. O texto original da PEC deixa explícito que o Ministério Público não pode conduzir investigações criminais, que ficam reservadas exclusivamente às polícias Civil e Federal.

A pesquisa, feita através do Portal da Câmara, tem quase 90 mil votos e atualmente é a mais votada das enquetes realizadas pela câmara baixa. A pergunta apresentada para os internautas é a seguinte: Você concorda que investigações criminais sejam realizadas somente pela Polícia e não mais pelo Ministério Público (PEC 37/11)? A partir daí, o usuário tem três opções para escolher:

  • Não. Acho que o MP deve poder investigar quando julgar necessário.
  • Sim, concordo.
  • Em parte. Acho que o MP deve investigar somente casos específicos.

Vote aqui.

Até as 16h do dia 13 de junho, o resultado da enquete mostrava que a população rechaçava a aprovação da PEC 37 ou de qualquer mudança no poder de investigação criminal dos membros do Ministério Público. 80,05% dos participantes acham que o MP deve continuar com o poder de investigação. 2,1% disseram que o MP deve investigar somente casos específicos. E, por fim, 17,85% dos usuários concordam com a PEC 37.

Engajamento

A votação da PEC 37 foi marcada para o dia 26 de junho pelo presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves. Participe você também votando na enquete promovida pela Câmara dos Deputados.

Para acessar a enquete, entre na área Enquetes Ativas, no Portal da Câmara (ou clique aqui). Daí é só escolher a opção Investigações criminais pelo Ministério Público.

.: voltar :.