Seu navegador nao suporta javascript, mas isso nao afetara sua navegacao nesta pagina

MPDFT

Menu
<

Tamanho da fonte:

Campanha pela preservação da vida “Conte até 10” será lançada nesta quarta-feira, no Gama. Campeão do Jungle Fight, o brasiliense Lúcio Curado prestigiará o evento

Nova imagemDiscussões corriqueiras entre vizinhos, em bares ou no trânsito podem ter um final trágico. Mas para que esses incidentes não ocorram entre os adultos, é preciso fazer um trabalho de educação e conscientização com jovens e adolescentes. Pensando nisso, o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) irá lançar, no próximo dia 27, a campanha regional “Conte até 10. A raiva passa, a vida fica”.

O encontro será realizado em duas escolas do Gama e reunirá mais de 700 alunos. Pela manhã, os promotores de Justiça irão conversar com adolescentes do 8º e 9º ano, no Centro de Ensino Fundamental nº 1. À tarde, será a vez dos jovens do Centro de Ensino Médio nº 1. Os promotores estarão acompanhados dos lutadores de jiu-jitsu Nielsen “Grilo” Nunes e do campeão dos pesos-leves do Jungle Fight, o brasiliense Lúcio Curado. Haverá ainda a apresentação e depoimento do rapper e militante Markão Aborígine, fundador da Frente Candanga de Hip Hop Contra a Corrupção

O gestor da Estratégia Nacional de Justiça e Segurança Pública (Enasp) no MPDFT, promotor de Justiça Daniel Bernoulli, explica que a decisão em lançar a campanha em uma escola foi estratégica. “Escolhemos um colégio para dar início à campanha no DF porque os adolescentes aceitam bem a conversa e conseguem captar a mensagem”, justificou.

A campanha é uma iniciativa do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) em parceria com a Enasp, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e o Ministério da Justiça. A estratégia é atuar em duas frentes: combater a impunidade, viabilizando a investigação e o julgamento dos crimes, e conscientizar os brasileiros para evitar atitudes e reações contra a vida, em situações de violência.

O que você tem a ver com a corrupção?

Outra questão que será debatida com os adolescentes do Gama é o combate à corrupção. O coordenador, no âmbito do DF, do projeto O que você tem a ver com a corrupção?, promotor de Justiça Paulo Vinícius Quintela, pretende aproveitar o encontro com os adolescentes para convidar os jovens a uma reflexão sobre a necessidade de se conscientizar a sociedade sobre a importância do combate à corrupção nos pequenos atos do cotidiano.

O objetivo da campanha é conscientizar a sociedade, especialmente crianças e adolescentes, a partir de um diferencial, que é o incentivo à honestidade e à transparência das atitudes do cidadão comum. O ponto principal são os atos rotineiros que contribuem para a formação do caráter, com vistas à criação de uma cultura de valores e princípios éticos.

Serviço

O encontro dos promotores de Justiça e alunos ocorrerá nos dois turnos, em locais diferentes. O primeiro será no Centro de Ensino Fundamental 1, às 9h. O segundo, às 14h, no Centro de Ensino Médio 1.

  • 9h - Centro de Ensino Fundamental 1: EQ 01/02 – AE – Setor Norte
  • 14h - Centro de Ensino Médio 1: Q 18/21 – Praça 2 – Setor Leste
.: voltar :.