Seu navegador nao suporta javascript, mas isso nao afetara sua navegacao nesta pagina

MPDFT

Menu
<

Tamanho da fonte:

A Secretaria de Saúde se compromete a realizar mais 12 cirurgias cardíacas neonatais e pediátricas, entre críticas e eletivas, aumentando para 29 procedimentos por mês

210903 01219 ft saude edEm reunião realizada na sede do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT), a Secretaria de Saúde (SES-DF) se comprometeu, nesta sexta-feira, 3 de setembro, a aumentar para 29 o número de cirurgias cardíacas neonatais e pediátricas mensais realizadas na capital. O acordo faz parte da execução da Ação Civil Pública 0706093-14.2020.8.07.0018, que condenou o Distrito Federal a apresentar cronograma e promover o tratamento cirúrgico cardíaco para a totalidade dos pacientes recém-nascidos e crianças no âmbito da rede pública de saúde do DF. 

Em 2020, já havia sido assinado um acordo judicial relativo à realização desse tipo de procedimento. Em virtude do descumprimento, o novo secretário de Saúde, general Manoel Luiz Narvaz Pafiadache, perante a Promotoria de Justiça de Defesa da Saúde e a Defensoria Pública, assinou um novo termo de compromisso para aumentar de 17 para 29 cirurgias/mês, com início imediato. As cirurgias serão realizadas pelo Instituto de Cardiologia do DF (ICDF), unidade hospitalar conveniada à SES que realiza as cirurgias cardíacas nos pacientes recém-nascidos e crianças advindos do SUS. 

210903 01297 ft saude edDe acordo com a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), oito a dez crianças, em cada mil nascidos vivos, possuem algum tipo de cardiopatia congênita. O próprio ICDF realizou um estudo, no âmbito do Distrito Federal, que mostra que, levando em conta dados de 2014, ocorrem aproximadamente 40 mil nascimentos por ano. Desses, haverá, pelo menos, 6 crianças cardiopatas críticas por mês. O mesmo estudo mostra que o tempo de espera para a cirurgia cardíaca é de 120 dias, quando o ideal seriam apenas 30 dias.

Participaram da reunião os promotores de Justiça da Prosus Clayton da Silva Germano, Helena Duarte e Cleonice Varalda; o defensor público do DF Ramiro Nóbrega Sant'ana; o Diretor de Assistência à Saúde do Instituto de Gestão Estratégica de Saúde (Iges-DF), Jair Trabchoury Filho, além dos representantes do ICDF Maria Valda César, a Secretária-Adjunta de Assistência Raquel Bevilácqua e o Chefe da Assessoria Jurídico-Legislativa da SES- DF Raphael Sampaio.

Secretaria de Comunicação
(61) 3343-9604 / 3343-9601 / 3343-6413 / 99303-6173
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
facebook.com/mpdftoficial
twitter.com/mpdft
youtube.com/mpdftoficial
instagram.com/mpdftoficial

.: voltar :.