Seu navegador nao suporta javascript, mas isso nao afetara sua navegacao nesta pagina

MPDFT

Menu
<

Tamanho da fonte:

Distrito Federal ultrapassou 10.500 casos confirmados de Covid-19 nesta segunda-feira. MPDFT acompanha medidas de fiscalização e prevenção

A fiscalização do comércio e da circulação de pessoas nas ruas do Distrito Federal foi tema de reunião com participação de integrantes da força-tarefa do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT), no Centro Integrado de Operações de Brasília (CIOB), nesta segunda-feira, 1º de junho. Foram apresentadas informações e analisadas as ações realizadas nos últimos dias, especialmente em cidades onde os casos confirmados de Covid-19 avançam, como Ceilândia, Sol Nascente, Samambaia e Estrutural.

De acordo com dados do governo local 40 mil máscaras de tecido foram distribuídas para a população dessas cidades no último final de semana. Para o Ministério Público, essas iniciativas são fundamentais para conscientizar a população em relação às medidas protetivas, em especial o uso da máscara facial, e para a fiscalização do funcionamento do comércio.

“A fiscalização precisa ser contínua e firme. Esse é só o início de um esforço que deve ser intensificado pelo Estado, a partir da progressão da autorização para a retomada das atividades, como vem acontecendo com o comércio e, em breve, igrejas e parques”, avalia o coordenador da força-tarefa do MPDFT responsável pelo acompanhamento das ações de combate e prevenção ao novo coronavírus na capital federal, procurador de Justiça José Eduardo Sabo. 

Para o Ministério Público, a proteção contra a infecção pelo novo coronavírus passa pela conscientização de todos, com o uso de máscaras e a manutenção do distanciamento social como medidas individuais para a prevenção. Para os estabelecimentos com permissão para funcionar, os protocolos sanitários devem ser cumpridos com o máximo de rigor, tais como a aferição de temperatura dos clientes, medidas de higienização e uso dos equipamentos de proteção individual.

A população pode denunciar pela Ouvidoria do GDF (telefone 162) e ajudar na fiscalização do comércio, de ambulantes, do uso de equipamentos de proteção e, também, em casos de aglomerações.

Secretaria de Comunicação
(61) 3343-9601 / 3343-9220 / 99303-6173
jornalismo@mpdft.mp.br
facebook.com/mpdftoficial
twitter.com/mpdft
youtube.com/mpdftoficial
instagram.com/mpdftoficial

.: voltar :.