Seu navegador nao suporta javascript, mas isso nao afetara sua navegacao nesta pagina

MPDFT

Menu
<

Tamanho da fonte:

O Ministério Público conseguiu a condenação de Raul Siqueira dos Santos a nove anos e oito meses de reclusão, em regime fechado, pela tentativa de assassinato de Davi de Sousa Lima. O julgamento foi realizado nesta quarta-feira, 23 de maio, e os jurados reconheceram as qualificadoras de motivo torpe e de recurso que dificultou a defesa da vítima.

O crime ocorreu em 1º de maio de 2017, por volta das 11h, na Quadra 45, Conjunto J, em Brazlândia. O réu foi à procura da vítima e ao encontrá-la, sem dizer nada e de surpresa, efetuou diversos disparos de arma de fogo contra ela, que não faleceu porque os tiros não atingiram nenhum órgão vital. O crime foi cometido em razão de rivalidade anterior existente entre o autor e a vítima.

Para o promotor de Justiça que atuou no caso, Marcelo Henrique de Azevedo Souza, essa condenação foi importante porque demonstra que a sociedade de Brazlândia não tolera atos de verdadeira selvageria como os tratados no julgamento, em que um indivíduo se arma e vai à caça de desafeto, efetuando disparos em via pública com grande movimentação de pessoas.

Secretaria de Comunicação
(61) 3343-9604 / 3343-9601 / 3343-6413 / 99303-6173
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
facebook.com/mpdftoficial
twitter.com/mpdft
youtube.com/mpdftoficial
instagram.com/mpdftoficial

.: voltar :.