Seu navegador nao suporta javascript, mas isso nao afetara sua navegacao nesta pagina

MPDFT

Menu
<

Tamanho da fonte:

O réu foi condenado por homicídio qualificado

O Tribunal do Júri de Planaltina condenou, na última sexta-feira, 25 de novembro, o frentista Wemerson dos Santos Feitosa a 17 anos e 8 meses de prisão pelo assassinato de um adolescente durante uma manifestação contra a alta do preço da gasolina. O crime aconteceu em fevereiro do ano passado, em um posto de combustíveis da cidade.

Os jurados acataram a denúncia do Ministério Público do DF e Territórios (MPDFT) e reconheceram a responsabilidade do réu pela prática de homicídio qualificado, cometido por motivo fútil. Feitosa também foi condenado pelo porte ilegal da arma que utilizou para os disparos.

Na sessão plenária, o advogado do réu sustentou a tese de legítima defesa e recorreu da sentença. O Ministério Público rebateu as alegações e sustentou a condenação, além de pedir o aumento da pena, por acreditar que algumas circunstâncias importantes do crime poderiam ser valoradas para permitir uma condenação mais elevada.

Os promotores de Justiça Otávio Binato Júnior e Gladson Raeff Rocha Viana destacaram a presença e o envolvimento da comunidade de Planaltina, que lotou o plenário do júri, das 9h às 22h. “Todo o julgamento ocorreu sem nenhum tipo de intercorrência, mesmo se tratando de um caso de destaque na mídia nacional e que gerou profunda comoção da população local”, acrescentaram os promotores.

Entenda o caso

Em 11 de fevereiro de 2015, por volta das 20h, no posto Ipiranga Karsev, no Setor de Oficinas Norte de Planaltina, um grupo de pessoas se manifestava contra a alta do preço da gasolina. Os manifestantes solicitavam o abastecimento no valor de R$ 0,50 e realizavam o pagamento com notas altas, além de solicitar a emissão de nota fiscal. O réu iniciou uma discussão com os manifestantes e se recusou a continuar o abastecimento. Em seguida, deixou o local e retornou pouco tempo depois, quando disparou duas vezes contra Lucas da Luz Alves, de 15 anos à época do crime.

Processo: 2015.05.1.001842-6 Secretaria de Comunicação
(61) 3343-9604 / 3343-9601 / 3343-6413 / 99303-6173
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
facebook.com/mpdftoficial
twitter.com/mpdft
youtube.com/mpdftoficial
instagram.com/mpdftoficial

.: voltar :.