Seu navegador nao suporta javascript, mas isso nao afetara sua navegacao nesta pagina

MPDFT

Menu
<

Tamanho da fonte:

Crime ocorreu em janeiro de 2021, na área rural de Planaltina

A Promotoria de Justiça do Tribunal do Júri de Planaltina obteve, nesta segunda-feira, 6 de junho, a condenação de Paulo Henrique da Silva Lacerda, conhecido como Paulo Matador, pelo assassinato de Paulo Matheus Araújo Elias da Silva. A pena foi fixada em 18 anos de reclusão em regime inicial fechado. O réu não poderá recorrer em liberdade.

Os jurados aceitaram as duas qualificadoras apresentadas pela Promotoria de Justiça: motivo torpe (o crime foi motivado por vingança) e emprego de meio que dificultou a defesa da vítima (Paulo Matheus estava dentro de casa e não poderia ter previsto o ataque).

O crime ocorreu em 21 de janeiro de 2021, em uma chácara na área rural de Planaltina. Paulo Henrique, que é integrante do Primeiro Comando da Capital (PCC), havia sido vítima de uma tentativa de homicídio praticada por Paulo Matheus, que pertencia ao Comando Vermelho. Para se vingar, Paulo Henrique planejou a morte do rival.

No dia do crime, Paulo Henrique foi até a residência da vítima, pulou o muro e entrou na casa. Como Paulo Matheus não estava, ele aguardou sua volta dentro do imóvel. Quando o homem chegou, foi alvejado por disparos de arma de fogo. Paulo Henrique fugiu do local.

Outros quatro envolvidos foram identificados posteriormente e denunciados. Os processos referentes a esses réus tramitam no Tribunal do Júri da cidade. Esse é o primeiro caso em Planaltina no qual a Promotoria de Justiça tem notícia do envolvimento de integrantes do PCC e do Comando Vermelho.

Secretaria de Comunicação
(61) 3343-9604 / 3343-9601 / 3343-6413 / 99303-6173
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
facebook.com/mpdftoficial
twitter.com/mpdft
youtube.com/mpdftoficial
instagram.com/mpdftoficial

.: voltar :.