Seu navegador nao suporta javascript, mas isso nao afetara sua navegacao nesta pagina

MPDFT

Menu
<

Tamanho da fonte:

Vítima foi acusada erroneamente de ter furtado celular. Dois réus foram condenados a 19 anos e 9 meses; e o outro a 22 anos e 9 meses de reclusão, em regime fechado.

A Promotoria de Justiça do Tribunal do Júri de Brasília obteve a condenação de Marcela Sabrina da Silva Sousa, conhecida como Maçã; Wesley Vinicius Moreira de Melo e Wellington Silva Alves pelo homicídio de Victor Martins Melo, de 16 anos, no Parque da Cidade, por meio de linchamento. Os dois primeiros réus foram condenados a 19 anos e 9 meses de reclusão, e Wellington teve a pena fixada em 22 anos e 9 meses de reclusão, em regime fechado. O julgamento foi realizado na quarta-feira, 16 de fevereiro.

O Conselho de Sentença aceitou todas as qualificadoras propostas pelo Ministério Público do DF e Territórios: motivo torpe, meio cruel e impossibilidade de defesa da vítima. 

Entenda o caso

O crime ocorreu no dia 26 de maio de 2018, entre 18h45 e 19h15, no estacionamento 11, do Parque da Cidade, em frente à pista de kart Carrera. Victor tinha comparecido a uma festa no local e foi acusado erroneamente por outra menor de ter furtado seu celular. Os três réus auxiliados por um grupo de menores de idade então perseguiram e promoveram o lixamento do jovem, por meio de socos, chutes e golpes com instrumentos pérfuro-cortantes. 

 

Secretaria de Comunicação
(61) 3343-9604 / 3343-9601 / 3343-6413 / 99303-6173
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
facebook.com/mpdftoficial
twitter.com/mpdft
youtube.com/mpdftoficial
instagram.com/mpdftoficial

.: voltar :.