Seu navegador nao suporta javascript, mas isso nao afetara sua navegacao nesta pagina

MPDFT

Menu
<

Tamanho da fonte:

Mandante e vítima estavam envolvidos no comércio ilegal de lotes na região

A Promotoria de Justiça do Tribunal do Júri de Ceilândia obteve, na última sexta-feira, 8 de novembro, a condenação de Sérgio Rolim de Oliveira por homicídio duplamente qualificado. Conhecido como Sérgio da Hilux, ele cumprirá pena de 16 anos e 6 meses de reclusão em regime inicial fechado.

A vítima, Tony Carlos de Azevedo Amâncio, foi morta a tiros na QNP 5, em Ceilândia, em 4 de janeiro de 2015. Sérgio foi o mandante do crime. Os dois disputavam a venda de lotes irregulares no Setor Sol Nascente.

Os jurados aceitaram as qualificadoras apresentadas pela Promotoria: motivo torpe e uso de recurso que dificultou a defesa da vítima. Sérgio já havia sido condenado pelo assassinato da esposa e da filha de Tony. O crime ocorreu em 30 de abril de 2015 e também estava relacionado à disputa pelo comércio ilegal de terrenos. A filha de Tony tinha 3 anos de idade.

Processo 2015.03.1.004226-5

Secretaria de Comunicação
(61) 3343-9604 / 3343-9601 / 3343-6413 / 99303-6173
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
facebook.com/mpdftoficial
twitter.com/mpdft
youtube.com/mpdftoficial
instagram.com/mpdftoficial

.: voltar :.