Seu navegador nao suporta javascript, mas isso nao afetara sua navegacao nesta pagina

MPDFT

Menu
<

Tamanho da fonte:

O Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT), por meio da 4ª Promotoria de Justiça de Defesa da Saúde (Prosus) e da Promotoria de Justiça Criminal de Defesa dos Usuários da Saúde (Pró-Vida), com o apoio da Delegacia Especial de Repressão aos Crimes contra a Administração Pública (Decap), e em cumprimento à decisão judicial da Vara Criminal do Guará que acolheu pedido cautelar do Ministério Público, deflagrou na manhã desta terça-feira, 20 de dezembro, a segunda fase da Operação Trackcare, que investiga a confecção e o uso de atestados médicos falsos por profissionais da Secretaria de Saúde do DF (SES-DF).

Nessa segunda fase, a investigação tem como alvo o Centro de Saúde nº 1 de São Sebastião e dois médicos da SES-DF que prestaram serviços nessa unidade de saúde. Estão sendo cumpridos cinco mandados de busca e apreensão e dois mandados de condução coercitiva.

Logo mais, às 14h, na sala de treinamento 1 do edifício-sede do MPDFT, os promotores de Justiça Luis Henrique Ishihara e Maurício Miranda realizam entrevista coletiva sobre a operação.

 

Entrevista coletiva
Data: 20/12
Horário: 14h
Local: sala de treinamento 1, mezanino do edifício-sede do MPDFT
Não será necessário credenciamento prévio

.: voltar :.