Seu navegador nao suporta javascript, mas isso nao afetara sua navegacao nesta pagina

MPDFT

Menu
<

Tamanho da fonte:

MPDFT consegue condenação por homicídio de homem que matou no trânsito

Condutor dirigia embriagado em Taguatinga Norte quando atropelou e matou Giane Tavares Gama

O Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) obteve, na última quarta-feira, 7 de novembro, a condenação de Renato Pereira Ribeiro por homicídio doloso envolvendo embriaguez no trânsito. A pena privativa de liberdade foi fixada em 12 anos de reclusão em regime inicial fechado.

Relembre o caso

Em 1º de junho de 2012, em Taguatinga Norte, na EQNL 8/10, Renato Pereira dirigia embriagado, pela contramão e em altíssima velocidade, quando atropelou Giane Tavares Gama. Com o impacto, a vítima foi arremessada a uma distância de quase 15 metros e veio a falecer. Após o fato, o autor colidiu com dois veículos.

Ainda no local, Renato Pereira passou a rir do seu feito e debochou da morte que ocasionou. Chegou a ser preso em flagrante, o que depois foi convertida em preventiva. O júri reconheceu que o crime foi cometido com dolo eventual (quando o resultado é previsível, mas o autor assume o risco assim mesmo).

Para promotor de Justiça Luiz Fernando Guimarães de Almeida, o corpo de jurados de Taguatinga deu uma importante resposta à sociedade. “Fica o alerta aos condutores de que a comunidade não tolera que vidas continuem a ser tiradas por motoristas irresponsáveis e indiferentes aos riscos que podem causar nas ruas”, enfatizou.

Secretaria de Comunicação
(61) 3343-9604 / 3343-9601 / 3343-6413 / 99303-6173
O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
facebook.com/mpdftoficial
twitter.com/mpdft
youtube.com/mpdftoficial
instagram.com/mpdftoficial

.: voltar :.